Sexta-feira, 9 de Dezembro de 2022

Assembleia do Fonacate discute campanha salarial 2015
Entidades querem pactuar ação conjunta

Definir um calendário de atuação conjunta das entidades para a campanha salarial deste ano. Este foi um dos principais temas debatidos durante a Assembleia Geral do Fonacate realizada na tarde da última terça-feira, 14/4. O Diretor Presidente Substituto do SindPFA, Leonardo Queiroz, representou a entidade.

O secretário-geral do Fórum, Rudinei Marques, lembrou que na reunião convocada pelo Ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, no último dia 20 de março, ele avisou que as negociações ficarão a cargo do secretário de Relações do Trabalho, Sérgio Mendonça, e que iria analisar o orçamento até o fim de abril.

Ainda segundo Rudinei, o governo deve propor um acordo plurianual, pois o ministro defendeu a diretriz de redução gradual de gasto primário com a folha de pagamento em percentual do PIB.

“Acredito que em nossa pauta de campanha temos que pedir a definição de uma política salarial, como a data-base e a regulamentação da negociação coletiva”, disse o secretário-geral.

O presidente do Fonacate, Roberto Kupski, observou que em reunião recente de representantes do Fórum com o Assessor Especial da Secretaria Geral da Presidência da República, José Lopes Feijóo, foi garantido que a regulamentação da Convenção 151 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), que estabelece o princípio da negociação coletiva entre trabalhadores públicos e o governo, sairá este ano.

Para o próximo dia 5 de maio ficou agendado o encontro para definir as ações da campanha.

Informações da Ascom do Fonacate.

Por KASSIO ALEXANDRE BORBA

Coordenador Executivo