Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Concursos

O quadro de Engenheiros Agrônomos do Incra foi formado inicialmente por servidores oriundos dos concursos públicos do antigo Departamento Administrativo de Serviço Público (Dasp), nos quais, após aprovado, o Engenheiro Agrônomo optava para ingressar, principalmente no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) ou no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Outros Engenheiros Agrônomos foram contratados em Projetos Fundiários, Projetos Integrados de Colonização (PIC) e Projetos de Assentamento Dirigido (PAD), dentre outros.

Posteriormente, com a sanção da Lei nº 8.112/1990, os Engenheiros Agrônomos foram enquadrados no Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos da União.

Os concursos públicos para Engenheiro Agrônomo do Incra foram realizados em 1987, 1996, 2004, 2005 e 2010.


Movimentação de pessoal na Carreira

*Dados atualizados em agosto de 2017

Ingressos: 1427

Antes de 1970: 173
1970 a 1979: 163
1980 a 1989: 234
1990 a 1999: 177
2000 a 2009: 598
2010 a 2017: 82

Aposentadorias: 481

1970 a 1979: 3
1980 a 1989: 21
1990 a 1999: 225
2000 a 2009: 42
2010 a 2017: 190

Deixaram a Carreira: 212

2000 a 2009: 66
2010 a 2017: 55

Falecimentos: 166

1970 a 1979: 3
1980 a 1989: 7
1990 a 1999: 29
2000 a 2009: 45
2010 a 2017: 82

Demissões: 6

2000 a 2009: 4
2010 a 2017: 2