Quarta-feira, 17 de Agosto de 2022

Chefes de Obtenção cobram Presidente do Incra e se dispõem a entregar os cargos
Dos 30 chefes de Obtenção de terras, 24 são PFAs

Acontece em Brasília nos dias 8 e 9 de agosto um encontro dos Chefes da Divisão de Obtenção de Terras, com o Diretor da área, Marcelo Afonso Silva.

Dos 30 chefes, 24 são Peritos Federais Agrários. Como todos os profissionais da carreira, eles também estão preocupados com o futuro da autarquia, diante do cenário de descaso do Governo federal com a carreira, dada a defasagem salarial histórica em que vivem os PFAs.

Diante disso, os Chefes se reuniram, produziram e assinaram um documento coletivo de protesto, informando que a situação do Incra, e especialmente da área de obtenção, ficará insustentável caso não haja a recomposição salarial em parâmetros mínimos oferecidos pela categoria à Direção do Órgão.

Durante participação do Presidente do Incra, Carlos Guedes, no evento, os Chefes entregaram a ele o documento, quando reiteraram o discurso em prol da carreira e a posição do SindPFA diante da situação. Veja o documento ao final da notícia.

Em outro momento, durante a visita da diretoria do Sindicato ao evento para informar os acontecimentos recentes, os chefes manifestaram ao Diretor de Obtenção, Marcelo Afonso, que, colocam os cargos à disposição e requerem a exoneração coletiva das suas funções de DAS- 1 e DAS-2, correspondentes às chefias de Serviços e Divisões de Terras, caso as negociações salariais não prosperem,  autorizando o SindPFA, desde já, em sendo deflagrada greve pela categoria, protocolar o pedido.

Por KASSIO ALEXANDRE BORBA

Coordenador Executivo