Domingo, 14 de Agosto de 2022

PEC 32: SindPFA participa de ato em celebração pela vitória dos servidores
Presidente da Frente Servir Brasil, deputado Professor Israel (PV-DF) alerta para a necessidade de manter vigilância e não baixar a guarda na defesa do serviço público e das instituições.

O Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate), composto por 37 entidades associativas e sindicais, entre elas o Sindicato Nacional dos Peritos Federais Agrários (SindPFA), realizou, na tarde dessa quarta-feira (15), um ato para celebrar a vitória dos servidores na luta contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 32/2020. O evento, ocorrido em frente ao anexo II da Câmara dos Deputados, contou com a participação de diversas autoridades, entre elas o presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público (Servir Brasil), deputado Professor Israel (PV-DF), e o presidente do Fórum, Rudinei Marques. O SindPFA foi representado pelo atual vice-presidente e futuro presidente da entidade, João Daldegan.

Desde que foi apresentado pelo governo federal, o texto da PEC 32 tem sido duramente criticado pelas entidades de classe dos servidores. A proposta do governo pretendia entregar o serviço público para a exploração econômica, via instrumentos de cooperação. E o Fórum já elaborou diversos estudos técnicos, que foram entregues aos parlamentares, para demonstrar que o caminho para a modernização do Estado não é esse que está na PEC 32 da reforma administrativa. A série de estudos técnicos é chamada: Cadernos da Reforma Administrativa, disponível em fonacate.org.br.

“É muito gratificante este momento pois ele simboliza todo o esforço de milhares de servidores e representantes da sociedade civil organizada que lutaram, de forma republicana, técnica e altiva, contra a tentativa de desmonte do serviço público no Brasil”, afirmou Daldegan. “Agradeço muito aos integrantes da nossa Carreira pela dedicação e empenho nas ações contra a PEC, mas precisamos ter em mente que essa vitória não afasta completamente as ameaças e precisamos nos manter vigilantes”, complementou.

As palavras do mandatário são corroboradas pela visão do deputado Israel, que teve atuação de destaque nesse processo. “Não podemos acreditar que ela esteja definitivamente morta. Nós vamos enterrá-la este ano, mas ano que vem a gente tem que manter a guarda alta, ficar atento aos movimentos do governo, para evitar que eles tentem ressuscitar esse defunto indesejável”, afirmou o parlamentar em conversa com Daldegan.

“Estamos celebrando nesse ato nosso trabalho para alertar aos deputados que a PEC 32 é a entrega do público para o privado. Ela não cumpre o que promete. O texto para modernizar o Estado brasileiro não é esse”, explica Rudinei Marques. Para simbolizar o “enterro” da proposta, o Fonacate levou para o ato um caixão com dançarinos, em referência a um famoso meme que circula na internet. A ação chamou a atenção de quem passava pelo local e diversas pessoas posaram para fotos e entraram na brincadeira.

Acompanhe as redes do SindPFA para informações atualizadas sobre essa e outras ações em defesa da Carreira, do Incra, do serviço público de forma geral e das instituições.