Segunda-feira, 8 de Agosto de 2022

Coronavírus muda a rotina do serviço público no Brasil
Entes públicos e privados precisam se atentar às recomendações das autoridades de saúde

Nessa segunda (16), o SindPFA enviou ofício à presidência do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) solicitando que os servidores fossem dispensados de assinar o ponto e permitindo o home office neste período de crise (Processo nº 54000.030748/2020-18).

Desde então, os atendimentos foram suspensos no Amazonas, Goiás, Paraíba, Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Santarém (Pará) e em Sergipe. O SindPFA seguirá atendo no sentido de assegurar que a saúde de servidores e cidadãos seja preservada.

Cabe ressaltar, ainda, que o SindPFA, seguindo as orientações das autoridades, adotou, desde terça-feira (17), o home office para todos os colaboradores, mas segue à disposição pelos meios virtuais. Que todos façamos a nossa parte para, juntos, superarmos essa crise.