Domingo, 14 de Agosto de 2022

Crescem prisões por crime contra gestão pública no País
Número de detentos por crimes como corrupção e peculato cresceu 133% entre dezembro de 2008 e dezembro de 2012

A Agência Estado publicou no domingo, 5/5, que, atualmente, 2.703 pessoas cumprem pena no Brasil por crimes contra a administração pública, como corrupção e peculato, entre funcionários públicos e particulares sem ligação com o governo. O número cresceu 133% entre dezembro de 2008 e dezembro de 2012 – sete vezes mais que o aumento da população carcerária total. Ainda assim, ocupam menos de 1% das celas do País.

Os dados são do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), órgão do Ministério da Justiça que compila dados prisionais das 27 unidades federativas.

Clique aqui para ver a notícia completa.

Por KASSIO ALEXANDRE BORBA

Coordenador Executivo