Domingo, 14 de Agosto de 2022

Novos delegados assumem em mais duas regionais
Em fevereiro, outros três postos vagos haviam sido preenchidos, totalizando 16 até o momento; Saiba quais SRs ainda precisam escolher seus representantes.

O Sindicato Nacional dos Peritos Federais Agrários (SindPFA) segue ampliando o quadro de Delegacias Sindicais devidamente representadas. Esta semana, mais duas unidades (Bahia e Rondônia) indicaram seus delegados e suplentes, os quais foram nomeados pela Diretoria. Em fevereiro, Distrito Federal, Rio Grande do Sul e Sergipe já haviam escolhido seus nomes, totalizando 16 até o momento (confira ao final da matéria).

Por se tratar de uma categoria presente em todos os estados, distribuída em 29 superintendências, os delegados são peças fundamentais na estrutura organizacional e lidam diretamente com as bases que integram a entidade. Com o objetivo de aprimorar essa relação, a vice-presidência assumiu, recentemente, o papel de lidar diretamente com os representantes regionais no sentido de estreitar laços e promover “sua integração e união, intercâmbio de informações e supervisão”, conforme consta no Estatuto.

“O Delegado Sindical é um dos elos entre a Diretoria e a nossa base de organização. Sem ele a mobilização, a comunicação e as ações ficam prejudicadas. Precisamos envidar esforços para fortalecer a atuação das nossas representações locais e envolver, cada vez mais, os filiados com o SindPFA; mas, para que isso seja efetivo, é importante que a própria regional faça o movimento de constituir sua representação”, reforça Djalmary Souza, vice-presidente. Os representantes foram indicados pelos filiados das próprias regionais.

Clicando aqui é possível ver a lista completa das Delegacias Sindicais. Caso a sua esteja ainda vaga, a orientação é realizar uma reunião com os colegas da regional para identificar lideranças e apontar os representantes à Diretoria. “Todos temos muitas atribuições, compromissos e afazeres, no nível profissional e particular. O mais importante, a cada gestão, é provarmos para nós mesmos que somos capazes de manter nossa união viva e de brigar por melhores condições, remuneração e direitos mais. É acreditar que merecemos isso. Somos o que conseguimos realizar”, incentiva o Presidente João Daldegan.

Novos delegados e suplentes:

Bahia: Geraldo Arquimedes Dias de Souza
Suplente: Carlos Augusto Rocha

Rondônia: Manoel Messias da Silva
Suplente: Luber Katia de Oliveira Neto

Rio Grande do Sul: André Bocorny Guidotti
Suplente: Daniel Barreto Gorelik

Sergipe: Rui César dos Santos Silva
Suplente: Luiz Carlos Farias Dantas

Distrito Federal: Breno Sabioni Resck
Suplente: José Raimundo Sepeda